Meus Pedidos
Você adicionou a sua lista de compras. O que deseja fazer agora?
Continuar Comprando! Fechar Compra!
X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
CTPF - YouTube



CTPF realiza mapeamento de seu acervo

Com um acervo cênico e de figurinos composto por mais de mil e quinhentas peças, o Centro Técnico de Produção e Formação Raul Belém Machado setoriza seus figurinos através de identificação das araras

Dia em Notícias

CTPF realiza mapeamento de seu acervo

Identificação das Araras do CTPF. (Crédito: Divulgação CTPF)

Responsável por cuidar e manter os figurinos das grandes montagens da Fundação Clóvis Salgado, o CTPF prossegue com a identificação de seu acervo de figurinos em grandes araras. 

O que antes era organizado apenas por nome e data dos títulos das óperas, agora também recebe identificação por código, para facilitar o acesso e garantir a manutenção sistematizada no momento de selecionar as peças. Com isso, os figurinos estão sendo seccionados em suas araras de conservação, sendo todas elas organizadas por letras e números.

Como muitas óperas tiveram várias montagens e cada uma utilizou figurinos diferentes, com esse mapeamento fica mais fácil identificar os figurinos de cada ópera separadamente, e se localizar dentro das longas fileiras de araras, o que otimiza o tempo de localização de uma peça no acervo.

Até agora já foram identificadas e atualizadas nesse sistema 134 araras, com os figurinos das óperas: A Flauta Mágica (1984); Lucia de Lammermoor (1985); Tosca (1994); Madama Butterfly (1988/2012); La Bohéme (1996); La Traviata (1998); Don Giovanni (1998); A Viúva Alegre (1999); Carmen (1999); Cavalleria rusticana (1996/2000); O Guarani (2002); O Barbeiro de Sevilha (2003); Turandot (2004); Os Pescadores de Pérolas (2005); Pelleas et Melissadre (2008); Macbeth (2009); A Menina das Nuvens (2009); Erwarthung (2009); La Traviata (2010); Andrea Chènier (2010); Nabucco (2011); La Bohéme (1996); La Traviata (1998); Don Giovanni (1998); A Viúva Alegre (1999); Carmen (1999); Cavalleria rusticana (1996/2000); O Guarani (2002); O Barbeiro de Sevilha (2003); Turandot (2004); Os Pescadores de Pérolas (2005); Pelleas et Melissadre (2008); Macbeth (2009); A Menina das Nuvens (2009); Erwarthung (2009); La Traviata (2010); Andrea Chènier (2010); Nabucco (2011); La Bohéme (2011); A Viúva Alegre (2012); Madama Butterfly (2013); Aida (2001, 2002 e 2008); Um Baile de Máscaras (2013); Rigoletto (2014); Fedra e Hipólito (2013); Carmen (2015); Lucia di Lammermoor (2015); Romeu e Julieta (2016); O Guarani (2016); Norma (2017); Porgy and Bess (2017); La Traviata (2018); O Holandês Errante (2018); O Elixir do Amor (2019) e Viramundo (2021/2022).

 

Fotos Galeria: Divulgação CTPF

Galeria:

  • CTPF realiza mapeamento de seu acervo - Foto 1